Polícia Civil prende mulher por sortear carreta nas redes sociais sem autorização

Da Assessoria

Uma mulher investigada por promover rifas virtuais nos perfis dela nas redes sociais foi detida pela Polícia Civil, nesta quinta-feira (27.06), no município de Guarantã do Norte (715 km ao norte de Cuiabá).

A polícia passou a apurar o caso após a informação de que a suspeita de 27 anos estava anunciando na internet o sorteio de uma carreta de cor vermelha. Como é proibido no Brasil, rifas com fins lucrativos caracterizam contravenção de loteria não autorizada.

Ao chegar na residência da jovem, os policiais civis avistaram em frente ao imóvel a carreta com semirreboque, com adesivos contendo os dizeres “Tá na rifa”.

Durante a abordagem, a mulher informou que estava tentando legalizar a atividade junto aos órgãos competentes. Porém, como são autorizadas pelo Poder Público somente rifas beneficentes, ela foi encaminhada para esclarecimentos.

Na delegacia a conduzida foi interrogada e responderá inquérito policial instaurado para investigar a prática de crime de contravenção penal.

0 Shares:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like