Ações de combate à violência infantil resgatam vítimas de maus-tratos e prendem foragido por estupro

Da Assessoria

Duas ações distintas de combate à violência infantil realizadas pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Várzea Grande (DEDMCI-VG), nesta quarta-feira (26.07), resultaram na prisão de um homem autor de estupro de vulnerável e no resgate de duas crianças vítimas de maus-tratos, no município.

A ação que resultou na medida de proteção para duas crianças que estavam em situação de risco teve início após o recebimento de denúncia. As vítimas de 7 e 10 anos estavam vivendo em condições degradantes e sofriam maus-tratos praticados pela mãe.

Segundo a denúncia, as crianças pediam ajuda aos vizinhos porque passavam necessidade de comida, além de sofrerem constantes agressões praticadas pela mãe, que faz uso frequente de bebida alcoólica.

Com base nas informações, os policiais foram até o local, onde constataram a veracidade das informações e encontraram as duas crianças em ambiente totalmente insalubre, lixo espalhado pela casa e restos de comidas, acumulando insetos.

Diante da situação de risco das crianças, foi realizado o acolhimento das vítimas e aplicadas as medidas de proteção previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). As crianças foram encaminhadas para Casa de Acolhimento de Meninos. A mãe responderá pelo crime de maus-tratos.

Na outra ação realizada pelos policiais da DEDMCI-VG, um homem foragido da Justiça teve o mandado de prisão cumprido por estupro de vulnerável. A ordem de prisão foi decretada em razão de condenação por crime investigado na Delegacia da Mulher de Várzea Grande.

O suspeito foi localizado em uma residência no bairro São Mateus, em Várzea Grande e após ter a ordem judicial cumprida, foi colocado à disposição da Justiça.

0 Shares:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like