Homem é preso por comercializar chocolates com maconha

Da Assessoria

Um homem de 32 anos foi preso pela Polícia Civil na terça-feira (25.06) em Tangará da Serra, a 239 km ao norte de Cuiabá, por comercializar chocolates com maconha e cultivar a planta em sua residência.

O suspeito foi autuado em flagrante por tráfico de drogas após a execução de um mandado de busca e apreensão domiciliar.

A operação, realizada pela Divisão de Repressão ao Tráfico de Drogas e pelo Núcleo de Inteligência (NI) da Delegacia Regional, visava desarticular pontos de venda de entorpecentes na cidade. As investigações identificaram um endereço suspeito no bairro Jardim Buritis.

Durante a investigação, foi constatado que no local eram comercializados produtos à base de THC (princípio ativo da maconha), além de alimentos de origem duvidosa e cultivo de plantas da espécie Cannabis Sativa.

Com base nos indícios de atividade criminosa, a Polícia Civil solicitou um mandado de busca e apreensão, que foi concedido pela Justiça da Comarca local.

Cumprindo a ordem judicial, os investigadores encontraram chocolates com maconha, estufas para germinação de sementes da planta, além de uma grande quantidade de maconha curtida em álcool.

O suspeito relatou que, ao perceber a chegada dos policiais, rapidamente ingeriu as plantas que cultivava e jogou parte das sementes de maconha no vaso sanitário.

O material apreendido foi encaminhado para perícia, onde a Politec confirmou que os chocolates continham o princípio ativo da maconha, configurando-se como alimentos à base de entorpecentes, proibidos pela Legislação Federal, Agência de Vigilância Sanitária Federal e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

O suspeito foi levado à 1ª Delegacia de Tangará da Serra, onde foi interrogado e autuado em flagrante por tráfico de drogas.

0 Shares:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like