Secretária de Comunicação vai processar esposa de Pivetta

Secretária de Estado de Comunicação, Laice Souza vai processar a esposa do vice-governador Otaviano Pivetta, advogada Viviane Cristina Kawamoto Pivetta, que se referiu a ela como ‘suja’ e ‘rasteira’ nas redes sociais.

 

Segundo Viviane, foi a secretária quem a orientou a gravar o vídeo desmentindo que não havia sofrido agressão do marido no dia 7 de julho na cidade de Itapema, em Santa Catarina.

 

Laice reafirmou, em nota à imprensa, que repudia qualquer tido de violência. Afirmou que vai registrar um boletim de ocorrência por calúnia e difamação na Polícia Civil.

 

Em nota divulgada à imprensa no final da manhã desta terça-feira (7), a secretária afirma que, “como jornalista trabalha com a verdade. Sendo mulher, jamais aceitaria a violência contra outras mulheres”. Afirmou ainda que atuou estritamente com a verdade dita por Viviane que, naquele momento, negava qualquer agressão cometida por Pivetta.

 

O caso veio à tona na última quinta-feira (29), quando a reportagem do  teve acesso à denúncia feita pela advogada à Polícia Militar de Santa Catarina. Logo em seguida, ela amenizou os fatos e divulgou um vídeo em suas redes sociais, afirmando que teve uma discussão com o marido, mas negou qualquer agressão.

 

“Eu estou passando aqui para falar a respeito da notícia que está correndo nos veículos de comunicação do estado a respeito de mim e do meu esposo. Estou passando para tranquilizar, porque está tudo bem”, diz ela no começo da gravação. Veja o vídeo no final da matéria.

 

Mas, o episódio tomou outra proporção. Já na noite de segunda-feira (2). Em sua conta no Instagram, Viviane questionou se os seguidores assistiram ao vídeo que ela publicou. Em seguida, disse que “secretária de Comunicação do Estado de Mato Grosso Sra. Laice me pressionou para gravar um vídeo mentiroso”.

 

Logo após a secretária informar que iria processar Viviane, a advogada escreveu em sua rede social que “contra fatos não há argumentos”. Que sustenta tudo o que disse e que, se for necessário, irá expor conversas que teve com pessoas ligadas ao Executivo e Legislativo de Mato Grosso.

 

“Que ela tome as medidas que achar necessárias, pois as minhas já foram tomadas, diante do bairo clero que essa senhora representa. Acredito que uma pessoa como essa não representa o governo do Estado”, publicou em seu perfil em rede social.

 

Nota de esclarecimento da secretária de Estado de Comunicação 

 

Como jornalista trabalho com a verdade, sou mulher e jamais aceitaria a violência contra uma de nós. Atuei estritamente com a verdade que a senhora Viviane Cristina Kawamoto repassou, no sentido que o esposo não teria cometido a agressão contra ela. O vídeo foi gravado pela senhora Viviane, do próprio celular, sem texto de apoio e postado nas redes sociais por ela. O fato foi acompanhado por uma testemunha mulher.

 

Repudio qualquer tipo de violência, inclusive contra a honra. Por isso, estou acionando judicialmente a senhora Viviane, por calúnia e difamação, além de registrar um boletim de ocorrência, para que o processo tramite na esfera criminal, com todas as provas já colhidas. O que ela fez contra a minha pessoa é crime e isso será tratado na esfera competente.

Laice Souza
Jornalista

0 Shares:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like