Governador diz que Ministério Publico Federal quer eliminar MT da Copa América

O governador Mauro Mendes (DEM) voltou a falar sobre as críticas à realização da Copa América no Brasil, que terá jogos em Cuiabá a partir de domingo (13). Para o gestor, existe uma “implicância” com o evento, pois outros campeonatos de futebol estão acontecendo no país e o Ministério Público Federal não tem realizado notificações sobre essas outras ações.

 

“Não sei porque essa implicância da Copa América. Parece que ela virou o grande vilão. Como se nada estivesse acontecendo e estivesse todo mundo paradinho em casa”, enfatizou o governador.

Mendes se refere à notificação do Ministério Público Federal (MPF) que pediu explicações ao Estado e à Prefeitura de Cuiabá sobre as medidas de biossegurança que serão adotadas no evento, com foco em “atos violadores dos direitos à vida e à saúde”.

 

O governo ainda não foi notificado, mas Mendes garante que está disponível para dar todas as explicações necessárias. “O Estado não está fechado. Vamos esperar o Ministério Público notificar. Não tem problema nenhum. O governo tem a obrigação de explicar para o Ministério Público, para a imprensa e para o cidadão o que for questionado”.

 

O gestor ainda argumenta sobre a seletividade do MPF em notificar apenas sobre a Copa América. “Vamos falar a verdade. Onde existe série A, B, C, Copa do Brasil, Sul-americana, eliminatórias da Copa do Mundo… Deveria notificar o Brasil inteiro”.

 

Os jogos da Copa América na capital mato-grossense estão previstos ara começar no domingo e ir até 28 de junho. Por aqui serão realizados jogos das seleções da Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador e Uruguai.

 

14 Shares:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like