Prefeitura de Cuiabá prevê receita de R$ 4 bilhões em 2022

Em Cuiabá, o Plano Plurianual (PPA) que define as prioridades para o período de quatro anos, podendo ser revisado, prevê uma receita de pouco mais de R$ 4 bilhões somente para 2022. O valor foi informado em audiência pública sobre o PPA 2022/2025 realizada pela Prefeitura da Capital, por meio da Secretaria Municipal de Planejamento.

Durante dois dias, a população teve a oportunidade de participar das discussões, transmitidas pelos canais oficiais da Prefeitura, que apresentou as demandas a serem implementadas no novo PPA. Segundo a administração municipal, em média, 160 pessoas participaram da audiência, em que foram apresentadas cerca de 100 demandas, sendo as principais relacionadas às obras de infraestrutura, educação e saúde.

Além das propostas de melhorias e necessidades básicas da população, estão descritos os valores que serão investidos em cada área e projeto ao longo dos 48 meses. A receita total estimada do PPA para 2022 é de R$ 4.082.967.871,00; para 2023 no valor de R$ 4.287.116.265,00; 2024 de R$ 4.501.472.078,00 e, em 2025, o previsto é de R$ 4.726.545.682,00.

Outras dúvidas, sugestões e demandas ainda poderão ser enviadas até o dia 25 de agosto de 2021 através do formulário disponível no site oficial da Prefeitura (www.cuiaba.mt.go.br). Após sua formulação, o PPA deve ser enviado à Câmara Municipal até o dia 30 de agosto, para que os vereadores possam analisar, aprovar, votar e adicionar emendas à peça orçamentária. O documento deverá ser votado até o dia 22 de dezembro do mesmo ano, para que possa vigorar a partir de 1 de janeiro do ano seguinte.
Aprovado, volta ao Executivo para sanção do prefeito.

Por meio da assessoria de imprensa, o secretário municipal de Planejamento, Zito Adrien, reforçou que o PPA elaborado para os próximos anos abrange um período longo, por isso que a população precisa participar das discussões. “É o interesse de Cuiabá, dos bairros e de todos nós. Essas sugestões irão nos subsidiar no complemento das ações e metas previstas, não apenas no que foi elencado no plano de governo assumido em campanha, como em todas as prestações de serviços. Desde o início da primeira gestão até agora, não teve um ano que a arrecadação da fonte 100, ou seja, fonte própria do município, não tenha superado as expectativas, o que demonstra claramente a confiança da população naqueles que estão gerindo o município de Cuiabá”, disse.

O prefeito Emanuel Pinheiro frisa também que a atual gestão vai deixar o legado mais de 300 quilômetros de asfaltamento, a entrega de dois viadutos, além de trabalhar na maior obra estruturante da cidade, que é o Contorno Leste, obra com 17,3 quilômetros de extensão. “Isso sem contar a reestruturação da saúde e entrega de escolas. Cuiabá é uma Capital com obras em todas as regiões”, afirma.

0 Shares:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like