Adolescentes espancaram brutalmente uma motorista de aplicativo em MT

Os quatro adolescentes que espancaram e jogaram a motorista de aplicativo Márcia Angola, em um rio de Tangará da Serra (239 km a médio-norte de Cuiabá), tiveram a internação provisória decretada pela Justiça.

A decisão foi assinada pela juíza Leilamar Aparecida Rodrigues, da 2ª Vara Cível de Tangará da Serra, da Infância e Juventude. Conforme o documento, os 4 menores em conflito com a lei responderão por roubo, furto e tentativa de homicídio.

Um adolescente de 17 e outros três de 16 serão encaminhados para unidades socioeducativas, em Cuiabá e Rondonópolis. Apenas um deles irá para o município de Rondonópolis.

Eles foram ouvidos na audiência de apresentação, que foi concluída recentemente. O Ministério Público do Estado (MPE) e Defensoria Pública participaram do ato.

O caso
Segundo a Polícia Militar, três suspeitos roubaram uma motorista de aplicativo, na madrugada de sexta-feira (23). Eles entraram no veículo, fingindo ser passageiros. No entanto, em determinado momento da corrida, anunciaram o assalto e ameaçaram a mulher com uma arma.

Após assumirem a condução do carro, eles seguiram pela MT-480. Durante o trajeto, os bandidos espancaram a mulher, com socos no rosto e a enforcaram. Ela fingiu um desmaio, já que a todo o momento os criminosos diziam que iriam mata-la.

Por acharem que ela estava morta, os bandidos a jogaram em um rio. Ela afundou na água e esperou eles irem embora para fugir. A motorista gravou um vídeo relatando o assalto, com o rosto bastante ferido.

0 Shares:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You May Also Like