Eu não tenho nada a temer, diz Governador Mauro Mendes

O governador Mauro Mendes (DEM) disse que não teme ser investigado pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia do Senado. Em entrevista à imprensa, o chefe do Executivo enfatizou que está pronto para prestar depoimento, caso seja convocado.

“Eu não tenho nada a temer, eu como governador nunca fiz e nunca pedi para ninguém fazer nada de errado em qualquer secretaria ou área do governo. Vejo isso com muita tranqUilidade e estou sempre à disposição para prestar conta para quem for”, disse na segunda-feira (1º)

A CPI que tramita no Congresso Nacional apura se houve negligência do governo federal nas ações de combate ao novo coronavírus. O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), contudo, tenta ampliar as investigações para os estados e municípios.

Conforme divulgou a reportagem do Jornal A Gazeta de terça-feira (1º), o Tribunal de Contas da União (TCU) encaminhou à CPI os contratos da Secretaria Estadual de Saúde para atender o Hospital Regional de Sinop, que juntos somam R$ 7,054 milhões.

Com isso, se os senadores encontrarem indícios de irregularidades, Mendes deverá ser chamado para prestar esclarecimentos sobre a utilização do recurso do governo federal encaminhado para fazer frente à pandemia da covid-19. “Eu estou tranquilo quanto as minhas ações, é claro que a gente não consegue ver o que acontece no Estado todo com 70 mil servidores. Sempre que posso eu acompanho e procuro trabalhar dentro da legalidade”, complementou.

No fim, o democrata ainda acrescentou que espera que os trabalhos dos parlamentares apresentem ‘menos barulho’ e mais resultados. “Eu espero que a CPI haja com prudência e respeito ao cidadão. No momento como esse que o país passa, não dá para ficar fazendo muito barulho e depois não produzir resultado”, finalizou.

0 Shares:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You May Also Like