Com a colisão frontal, Siena pertecente à Câmara de Nova Guarita pegou fogo

Duas pessoas morreram num acidente envolvendo um Fiat Siena da Câmara Municipal de Nova Guarita (697 Km ao norte de Cuiabá) e uma carreta registrado nesta segunda-feira (14) na BR-163. A colisão frontal aconteceu no Km 571 da rodovia federal por volta das 13h20, nas proximidades do município de Nova Mutum (264 Km ao norte da Capital). Suspeita-se que as vítimas sejam 2 vereadores.

Com a colisão, o Siena pegou fogo e os corpos foram carbonizados dificultando a identificação das vítimas. O condutor da carretas saiu ileso. O nome dele não foi divulgado.

Responsável pelo trecho da rodovia onde ocorreu o acidente, a empresa Rota do Oeste enviou 2 guinchos, 2 ambulâncias e 1 caminhão pipa e 3 veículos de inspeção. O tráfego de veículos ficou bloqueado por algumas horas, mas já foi liberado. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também foi acionada para atender a ocorrência.

Ainda não se sabe qual veículo que invadiu a pista do outro, já que foi uma colisão frontal. Caberá à Polícia Civil investigar as causas do acidente.

O presidente da Câmara de Nova Guarita, Jair Antoninho Lazzarotto (PR), confirmou ao Gazeta Digital, que 2 vereadores: Moacir Krames (PSB) e Ludi Spíndola Zanata (PT), viajaram no Siena pela manhã com destino a Cuiabá onde pretendiam cumprir agenda com 2 deputados. No entanto, eles não chegaram na Capital e o contato com ambos foi perdido. Kramer integra a Mesa Diretora no cargo de 1º secretário.

No município, o presidente da Câmara e o prefeito estão apreensivos em busca de informações que possam confirmar, se de fato, são os vereadores que estavam no veículo envolvido no acidente. Eles tentam confirmar a placa do Siena junto à Polícia Rodoviária Federal.

fonte : gazeta digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *