Variante Indiana chega a MT e se alastra . Terceira onda do covid 19 a vista !!

Um caminhoneiro foi internado no Hospital Regional de Rondonópolis (215 km ao Sul de Cuiabá) com suspeita de contaminação pela variante indiana do novo coronavírus. A confirmação é da prefeitura e o caso está sob investigação.

Segundo informações, o paciente é um caminhoneiro que veio do Pará para Mato Grosso e buscou atendimento médico em Rondonópolis. Ele foi isolado e o caso é monitorado. Alguns exames irão apontar qual vírus contaminou o homem.

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Saúde de Rondonópolis esclareceu a situação e disse que não há motivo para pânico.

“O secretário municipal de Saúde, Vinícius Amoroso, explica que o caso suspeito não é motivo para pânico, porém reforça a necessidade da população se conscientizar da importância de manter as medidas de prevenção, evitando aglomerações, priorizando o distanciamento social, usando máscaras e mantendo as medidas de higiene”, diz trecho do comunicado.

Até o momento, há 7 registros da nova cepa no Brasil. Seis dos casos suspeitos são de um navio chinês que que está no Maranhão. O outro caso é de um passageiro vindo da Índia, que desembarcou em Guarulhos (SP). Ele está isolado em Campos dos Goytacazes (RJ).

A preocupação é que esta variante seja ainda mais contagiosa e letal que o cononavírus chinês. Isso pode tornar acelerar a chegada da terceira onda e esta ser ainda pior que as anteriores.

 

Confira nota na íntegra
“A Secretaria Municipal de Saúde confirma que identificou um caso suspeito da cepa indiana da Covid-19 em um paciente proveniente do Pará. A Saúde ainda aguarda exames para confirmar ou descartar o caso. O paciente que é motorista de caminhão e estava de passagem por Rondonópolis, está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional de Rondonópolis e isolado dos demais pacientes.

A informação sobre a suspeita foi repassada no início da noite desta quarta-feira (26) a Secretaria Municipal de Saúde, que acompanha o caso.

O secretário municipal de Saúde,Vinícius Amoroso, explica que o caso suspeito não é motivo para pânico, porém reforça a necessidade da população se conscientizar da importância de manter as medidas de prevenção, evitando aglomerações, priorizando o distanciamento social, usando máscaras e mantendo as medidas de higiene”.

7 Shares:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like