Mato Grosso tem a gasolina mais barata

Mato Grosso apresenta o menor preço médio para o litro da gasolina no Centro-Oeste, conforme levantamento do Índice de Preços Ticket Log (IPTL).

O valor de bomba encontrado em janeiro desse ano é de R$ 4,754 ante médias de R$ 4,815, R$ 4,851 e R$ 4,932 apuradas no Distrito Federal, Goiás e Mato Grosso do Sul, respectivamente, sendo esse último o mais elevado da região.

“Mato Grosso lidera com o preço médio mais barato da região para a gasolina, encontrada a R$ 4,754, mesmo com aumento de 0,7% em relação ao fechamento de dezembro. Já no Mato Grosso do Sul, o combustível foi comercializado a R$ 4,932 e é o litro mais caro do Centro-Oeste”, aponta Douglas Pina, Head de Mercado Urbano da Edenred Brasil.

O IPTL é um índice de preços de combustíveis levantados com base nos abastecimentos realizados nos 18 mil postos credenciados da Ticket Log.

Enquanto isso, o óleo diesel comum e o óleo diesel S-10, comercializados no Estado, têm o maior valor médio de bomba da região, mantendo o mesmo comportamento observado em dezembro do ano passado.

Outra matriz bastante demandada, o etanol, tem no Centro-Oeste o menor valor médio do País.

Mesmo tendo registrado alta de 0,77% em relação a dezembro, o litro médio do combustível foi comercializado a R$ 3,531 durante os primeiros dias do ano e segue compensando mais para o bolso de quem abastece na região, com ressalva para o Distrito Federal, que registrou preço médio mais caro, a R$ 3,762.

“Mesmo com o avanço no valor do etanol frente ao mês anterior, o combustível segue dividindo os estados da região Centro-Oeste na relação 70/30.

Em Goiás, no Mato Grosso e no Mato Grosso do Sul compensou mais abastecer com o etanol e, no Distrito Federal, a gasolina foi mais vantajosa para o motorista”, completa Pina.

O estado de Goiás registrou a menor média de preço de toda a região para o etanol.

O litro do combustível foi comercializado a R$ 3,357 nos postos goianos, 1,9% mais caro em relação ao fechamento de dezembro.

O diesel comum e o diesel S-10 também compensam mais no bolso do consumidor que abastece no Centro-Oeste.

Em Goiás, são vendidos a R$ 3,865 e R$ 3,926, respectivamente altas de 2,5% e 2,3% na comparação com o mês anterior.

1 Shares:
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like