A Câmara dos Deputados deve votar nesta quarta-feira o requerimento para colocar em regime de urgência o projeto que prevê o repasse do Fundo de Auxílio Financeiro para Fomento das Exportações (FEX). A promessa foi feita pelo presidente do parlamento federal, Rodrigo Maia (DEM), ao deputado Fábio Garcia (Sem Partido)

O requerimento de urgência e o projeto em si, no mérito, não podem ser votados na mesma sessão, mas uma sessão pode ser encerrada e a outra aberta logo em seguida, o que permitiria que o FEX seja votado ainda amanhã e enviado ao Senado.

Caso seja aprovado nas duas casas (Câmara e Senado) e sancionado pelo presidente da República, Michel Temer, Mato Grosso receberá cerca de R$ 500 milhões. São R$ 400 milhões para os cofres do Governo do Estado e R$ 100 milhões para as prefeituras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *