Não brinca em serviço. Foi assim que se referiu o jornalista Gabriel Mascarenhas, coluna Radar/Revista Veja, ao ex-deputado de Mato Grosso, José Riva.

Segundo a publicação deste sábado, Riva fechou delação premiada com a Procuradoria Geral da República (PGR) e, ao assinar o acordo, “entregou até recibos de pagamento de suborno a deputados estaduais”.

Riva fez jus à antiga profissão de contador e teria feito todos os lançamentos dos valores, detalhando dia, mês e ano, em várias cadernetas. E tudo descrito bate com recibos e até notas promissórias, assinadas por políticos de MT.

Há quem diga que a delação do ex-parlamentar deixa a do ex-governador Silval Barbosa (PMDB) no chinelo.

Nos bastidores em Brasília, não se fala em outro assunto, confidenciou um político ao G D. “Cabeças  estão a prêmio e vão rolar”, garantiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *