Mulher de traficante morto em 2015, no bairro Pedregal, em Cuiabá, é suspeita de financiar esquema de tráfico de drogas e abastecer bocas de fumo da região e de outros pontos da Capital.

Yulle Carla e outras 41 pessoas foram presas em operação conjunta entre as delegacias de Especializadas de Roubos e Furtos (Derf), com setor de inteligência da Repressão a Entorpecentes (DRE), nesta quarta-feira (4). Ela foi localizada em um condomínio de luxo, o Alphaville, onde residia.

Delegado Frederico Murta, explica que as investigações começaram há 6 meses, após denúncias de que o comando do tráfico de drogas na região do Pedregal, passou a ser realizado pela mulher do traficante Enatel dos Santos Albernaz, 37, o “Maninho”, morto em tentativa de chacina em 22 de novembro de 2015. Na ocasião, também foi assassinado Erídio Pereira de Souza, 38, o “Binha” e outro homem ficou ferido.

Envolvimento de Yulle foi constatado no decorrer das investigações, sendo apontado que comandava cadeia de traficantes associados para a distribuição de drogas, principalmente nos bairros Renascer e Jardim Leblon, além do Pedregal.

Ainda segundo o delegado, Yulle era uma das vozes forte do grupo criminoso, tomava decisões e articulava transações de grandes quantidades de drogas, especialmente maconha vinda da fronteira.

Durante as investigações, 50 bocas de fumo foram catalogadas pela DRE e mais de 2,5 toneladas de drogas apreendidas. A polícia informou ainda que um suspeito foi preso no Complexo Pomeri, com 1 quilo de drogas.

João Vieira

Murta aponta ainda que diversos bens, como veículos de luxo foram apreendidos durante as investigações, sendo que a própria Yulle vivia em um mundo de ostentação. “Os bens ainda estão sendo catalogados e também estamos analisando lavagem de dinheiro”.

Operação “Campo Minado” resultou na prisão em flagrante de 17 traficantes e no cumprimento de 36 mandados de prisão, totalizando 53 presos, e envolveu mais de 300 policiais civis.

              Veja vídeo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *