Presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, o deputado Eduardo Botelho (PSB) disse que alguns dos colegas parlamentares denunciados pelo ex-governador Silval Barbosa (PMDB) em sua delação premiada e foram gravados em vídeos recebendo maços de dinheiro estariam depressivos.

Botelho, que também foi citado na delação, mas não aparece em vídeo, durante entrevista coletiva na semana passada, deu a entender que o motivo da “depressão” de alguns deputados seria em virtude da exposição em rede nacional das imagens gravadas por Silvio Cézar Corrêa Araújo, ex-chefe de gabinete de Silval.

“Conversei com todos os deputados, estou chamando eles pra trabalhar, alguns estavam muito depressivos e estou dizendo pra eles que venham pra trabalhar”, disse Botelho.

Nos vídeos, amplamente divulgados em telejornais nacionais da Rede Globo e grandes portais de notícias, deputados que hoje não têm mais mandato eletivo e também parlamentares ainda na ativa, aparecem recebendo maços de dinheiro e colocando no bolso do paletó, em bolsas e até caixa de papelão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *