Pais já dormem na porta de escolas para tentar garantir acesso as poucas vagas em escolas públicas municipais de Cuiabá. Desde a última sexta-feira começou a se formar a fila para disputa das 13 vagas oferecidas pela Escola Municipal de Ensino Básico 8 de Abril, no bairro Bela Vista. A escola possui 385 alunos matriculados em dois turnos e estas são as últimas vagas restantes, depois que alunos já em curso renovaram suas matrículas para o ano letivo de 2017.

 

Segundo a secretária Gisele Lima, muitos interessados tem procurado a escola nos últimos dias, a procura de uma vaga. São pais de alunos que vão deixar as escolas estaduais e um grande número de interessados que vai retirar os filhos de escolas privadas por não poder arcar com os custos.

Uma das mães que acampou na escola desde às 17h da sexta-feira (9), é a cozinheira Mariluce Pereira de Oliveira. Já levou colchão e ventilador e só sai amanhã, depois que conseguir matricular a filha Rihana de 4 anos. São cinco vagas para a faixa etária e ela é a segunda da fila nesta disputa.

Como trabalha de terça-feira a domingo, os outros dias revezou o local na fila com o marido e uma prima. Disse que é a única possibilidade para ela, que mora no bairro Novo Horizonte, pois peregrinou por outras escolas da região e já informou que não há vagas.

A situação é a mesma na Escola Madre Marta Cerutti, localizada da mesma região, que vai disponibilizar apenas sete vagas. Segundo a secretária Ilda de Souza, o telefone toca o dia todo em busca de informações sobre vagas disponíveis. A escola tem capacidade para receber 456 alunos, também em turnos matutino e vespertino.

A Secretaria Municipal de Educação de Cuiabá (SME), informa que as matrículas para alunos novos nas escolas da rede municipal serão realizadas a partir desta terça-feira (13), das 7 às 11 horas e das 13 às 17 horas, e seguem até o total preenchimento das vagas ofertadas para cada unidade educacional.

Os documentos necessários para efetuar a matrícula são a certidão de nascimento do aluno, documentos dos pais ou responsáveis, comprovante de endereço, e no caso de alunos de creches é necessário também o cartão de vacina.

O ano letivo de 2017 iniciará no dia 6 de fevereiro e o término do ano letivo de 2017 será em 20 de dezembro.

O período para confirmação de pré-matrículas foi realizado de 30 de novembro a 2 de dezembro de 2016. A matrícula para os alunos redimensionados de unidades educacionais pertencentes à rede municipal foi de 05 a 07 de dezembro de 2016.

Os alunos que não conseguiram efetivar a matrícula no período estabelecido deverão se cadastrar via telefone, pelo 0800-646-2003.

A secretária municipal de Educação, Marioneide Kliemaschewsk, informa que o calendário letivo para 2017 na educação infantil, ensino fundamental e educação de jovens e adultos (EJA) terá carga horária de no mínimo 800 horas, distribuídas em 200 dias de efetivo trabalho escolar.

O profissionais da educação retornam no dia 22 de janeiro de 2017, quando voltam para suas respectivas unidades para planejamento das atividades referentes ao ano letivo de 2017, para formação continuada e organização do espaço escolar para receber os alunos no dia 6 de fevereiro.

Após o término do primeiro semestre, no período de 10 a 24 de julho de 2017, terá recesso de 15 dias para alunos, professores em sala de aula, intérprete de libras, readaptados de função temporária e cuidadores de alunos com deficiência (CAD’s).

Infantil – as matrículas para alunos novos nas creches e nos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) serão realizadas na segunda quinzena de janeiro e serão on-line. (Com informações assessoria SME)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *